1 – Escolha a fresa correta

Fresa Z3 Wirutex

Hoje em dia, existem modelos que possibilitam avanços de mais de 10m/min de avanço (sem cone e sem turbina). Para um melhor rendimento, é necessário usar a altura de corte certa para a altura de painel que será usinado. É bem comum alguns profissionais do setor usarem fresas indicadas para painel de 25 mm em painéis de 15 e 18mm. É um erro grave. Isso pode reduzir a velocidade de corte em mais de 20%. Então lembre-se, sempre use a fresa correta.

2 – Prefira o cone térmico

Cone Térmico Wirutex

Para o setor moveleiro, o cone térmico é o que há de mais moderno em termos de fixação. A grande vantagem é que ele apresenta excentricidade(desvio do eixo na operação de usinagem)3 vezes menor que os modelos com pinça. É comum encontrarmos excentricidades de 0,07 até 0,1 mm em cones com pinça. Mas no térmico não passam de 0,03 mm.Pode parecer um valor muito pequeno, porémquando comparado com a espessura do cavaco no corte, em média 0,15 mm para este processo, vemos que é uma diferença bem grande. Para entender melhor, quando temos 0,15 mm de espessura do cavaco, uma excentricidade de 0,1mm pode fazer um dente remover 0,05 mm e outro 0,25 mm, causando assim um pico de esforço cíclico durante o trabalho da ferramenta. Com o uso do cone térmico, o esforço é dividido, assim é possível aumentar o avanço de 15 a 20%, sem que a ferramenta sofra danos estruturais. 

3 – Contra o cavaco, use a turbina   

Kit Turbina Wirutex

O principal vilão da usinagem de madeira e seus derivados é o cavaco! No nesting, ele é mais prejudicial ainda, pois a chapa de sacrifício permite o escoamento apenas para cima, contra a força da gravidade. Como não tem pra onde ir, o cavaco fica atrapalhando a usinagem, enchendo os espaços de escoamento e sendo cortado mais de uma vez. Além disso, a presença do cavaco gera aquecimento, que pode provocar perda das propriedades mecânicas do material que constitui o corpo da ferramenta. Com o uso da turbina, a maior parte do cavaco é escoada instantaneamente, assim a ferramenta corta com mais suavidade, logo o esforço de corte é reduzido, permitindo maiores avanço, durabilidade e desempenho

4 – Aço especial suporta maior esforço

Com os itens anteriores, pudemos concluir que o grande limitante do avanço não está tão relacionado com geometria ou modelo, mas sim com o esforço. Assim, o que vai definir a velocidade da ferramenta é o quanto ela suporta de esforço antes da sua falha estrutural. As ferramentas Wirutex possuem um aço especial, moldável o suficiente para ser construído na geometria da ferramenta, mas com resistências mecânica e ao aquecimento semelhantes às do metal duro. Este material suporta esforços muito maiores que o aço convencional, logo, permite avanços de 60 a 80 % superiores.

As ferramentas Wirutex são produzidas com um aço especial, de alta resistência.

5 – Olho na fixação das peças

É importante que nenhuma peça se movimente durante o corte. Além de estragar a peça a ser usinada, isso pode danificar a ferramenta. Sabe-se que quanto menor a peça, mais fácil é ela se movimentar. Normalmente, para que isso não ocorra, o avanço deve ser reduzido, mas existem algumas alternativas. Mexer na chapa de sacrifício: para melhorar o vácuo, deve-se facear a chapa dos dois lados para remover a fina película de resina que reveste os painéis. Além disso, colar fita de borda nas laterais da chapa de sacrifício faz com que todo vácuo passe para o painel a ser usinado, sem nenhuma perda. Em casos extremos, em que o vácuo é fraco e as peças muito pequenas, o painel pode ser cortado em dois passes, sendo que, no primeiro, deve-se deixar apenas 2 ou 3 mm para serem removidos no outro passe.

Conte sempre conosco para melhorar seus processos.

Enfim, reunimos aqui informações muito úteis para você prestar atenção em seu dia a dia de usinagem pelo processo nesting. Lembre-se de que somos especialistas em processos. Se você seguir à risca nossas recomendações, você ganhará muito em produtividade e economia de custos. Temos certeza de que é isso que procura. 

Se você ficou em dúvida, ou não entendeu alguma fase dos processos explicados aqui, não hesite em procurar nossa engenharia.

Conte com a Wirutex e a Basso para produzir mais, melhor e consequentemente sair lucrando.

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *